Notícias

A importância do cidadão e do voto

27/01/16

Para reflexão e conscientização sobre a importância do CIDADÃO e do VOTO.

Ao votar você está passando uma procuração ao seu representante, ou seja, autorizando-o a representá-lo em todas as instâncias e circunstâncias possíveis. Portanto, se esse candidato não corresponder às suas expectativas (anseios), mude de candidato.

Vereador, Prefeito, Deputado Estadual, Deputado Federal, Governador, Senador e Presidente da República são todos empregados da população, portanto, são eles quem deve favor ao povo que o elegeu.

Constranger, humilhar, massacrar, perseguir pessoas e transferir funcionários por questões políticas não é atitude nem tarefa de nenhum representante do povo, é, sim, procedimento de Autoritário, Desumano, Ditador, Fascista, Nazista, Truculento e Terrorista.

Portanto, ao tomar conhecimento de que alguém foi ou está sendo tratado dessa forma, fique atento, porque qualquer hora poderá ocorrer com você ou com alguém próximo a você.

Use o bom-senso, procure mudar de candidato o quanto antes possível, pois depois de eleito você só terá chance de tirá-lo do poder após 04(quatro) anos de sofrimento e sacrifício de muita gente.

Com relação a políticos que se utilizam dessa forma arcaica, anti-humana, inadmissível e ultrapassada de fazer política (politicagem), podemos fazer o seguinte questionamento: Por que os políticos têm o direito de mudar de partido na hora que bem entenderem e os eleitores sequer têm o direito de votar no candidato que admira, que se identifica com a sua causa, que tem sua confiança, ou mesmo com o qual tem afinidade, enfim, no candidato de sua preferência?

Entendemos e defendemos a posição de que o político depois de eleito é representante não apenas de quem o elegeu, mas, sim, de toda a população do Município, Estado ou País conforme a abrangência de representação do mandato.

Precisamos encontrar uma saída urgente e essa alternativa só é possível com sua participação. Lembre-se: você é um dos principais personagens dessa situação, portanto, se você entende que a REDENÇÃO de uns não se faz através da RENDIÇÃO de muitos, estamos trilhando pelo caminho da justiça no sentido real da palavra. Por isso, confiamos que seu senso de humanidade deva estar identificado com uma causa que é dever de todo ser humano, temos a real certeza que seu voto será capaz de modificar essa cruel e avassaladora prática política (politicagem) que nos atinge de forma direta.

Mas se você não consegue despertar nem se sensibilizar com situações como as aqui descritas, infelizmente muita gente vai continuar sofrendo por sua causa, pois seu voto está apenas servindo como arma para castigar pessoas que têm senso de cidadania, respeito ao ser humano e a si próprio.

Você ainda pode mudar!

O caminho da mudança começa com seu voto.
LEMBRE-SE: VOCÊ É O PATRÃO.

GILBERTO ARAÚJO DE MEDEIROS
Funcionário do BB - Ag. Jucurutu-RN.

 


LUTA BANCÁRIA

Mais revistas