Notícias

Não às demissões de bancários no BASA! Todo apoio aos trabalhadores!

22/11/21

O Banco da Amazônia (BASA) anunciou o plano de demitir todos os 145 bancários oriundos do Quadro de Apoio, criado em 1984. Estes trabalhadores são bancários como qualquer outro funcionário do BASA e, além de terem ajudado a sustentar o banco por mais de 30 anos, passaram por seleções e concursos para estarem onde estão. É inadmissível que o governo Bolsonaro e a direção do BASA queiram demiti-los. Este é um ataque a todos os empregados do BASA e dos bancos públicos e não podemos permitir que se efetive.
 
            Neste mesmo momento em que 145 trabalhadores estão ameaçados de demissão, outros 15 milhões de brasileiros estão desempregados e outros 25 milhões até mesmo desistiram de procurar emprego (desalentados) ou vivem de bicos ou trabalhos precários e sem vínculo, e mal conseguem sobreviver (subempregados). É uma multidão de trabalhadores em condições de produzir, e que querem trabalhar, mas não tem emprego. Demitir 145 empregados que há décadas fortalecem o BASA, como banco público e de desenvolvimento da Amazônia, é um crime!
 
Este ataque atinge todos os bancários e a população. Sem estes trabalhadores, o serviço prestado pelo banco irá piorar, e os demais bancários ficarão ainda mais sobrecarregados. Além de abrir um precedente criminoso de demissão imotivada e em massa de bancários. Nós, do SEEB-RN, repudiamos estas demissões, exigimos a imediata reversão da decisão anunciada e prestamos total solidariedade aos trabalhadores demitidos.


LUTA BANCÁRIA

Mais revistas